31 de Julho
'Uma Moça da Cidade' encanta o público com história de amor não correspondido

 

Um entardecer com a efervescência da arte e cultura aconteceu na Praça da Liberdade com a apresentação do espetáculo “Uma moça da cidade”, da companhia de teatro UBU. Dezenas de pessoas acompanharam atentas o drama encenado por Anderson Bosh, Luciana Kreutzer, Yago Garcia e o ator e músico Ewerton Goulart.

O espetáculo surgiu a partir de um conto  e foi escrito pelo ator e diretor Anderson Bosch e conta as desventuras de uma moça do interior (Ambrosina) numa cidade grande, que se apaixona, mas não tem o amor correspondido. Ambientado em Campo Grande na década de 50 e com bordões que ficam na memória, a peça explora uma vertente da comédia e os atores fazem uma performance em sincronia perfeita, já que a personagem principal se revezava entre os atores e atriz.

O grupo UBU nasceu num projeto de extensão da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul em 1991. A peça está na sexta montagem, desde 2001 quando ganhou o prêmio Encena Brasil da Funarte. “Estar no Festival de Inverno de Bonito é uma experiência enriquecedora”, disse Anderson Bosch.

O casal de aposentados Ivo Liesenberg e Maria Marlene Lieserberg veio de Joinville(SC) para Bonito pela primeira vez e ficou surpreso ao saber do Festival. “Achei maravilhosa esta história de amor, muito animada, passa uma mensagem de carinho que a gente tanto precisa hoje”, disse dona Maria.

Texto André Messias

 

Foto Eduardo Medeiros